» MEIO AMBIENTE » Fauna

A fauna presente no ambiente de restinga também é bastante diversificada, contando com a presença constante de vários pássaros, répteis, pequenos mamíferos, e ainda as espécies de insetos que se fazem presentes nas áreas de restinga.

Conheça abaixo algumas espécies de animais que facilmente são encontrados em Manguinhos.

  • Terrestres

Calango 

Calango é a designação comum a vários répteis lacertílios da família dos teídeos, principalmente os de pequeno porte, e vivem geralmente no solo, na terra ou em pedreiras, alimentando-se de pequenos insetos e vermes. 

Lagarto 

O lagarto verde é um réptil que vive na área da restinga deslocando-se sorrateiramente entre as bromélias e sob a área sombreada dos arbustos rasteiros a fim de não chamar a atenção de seus principais inimigos. Tem hábitos diurnos, desloca-se constantemente, sendo mais ativo durante as horas quentes, em idade adulta pode chegar a ter até 70 cm de comprimento. 

Cobra cipó 

Esta cobra, como o nome diz, parece um cipó. A cor e a forma desse réptil mimetizam-no muito bem no seu meio ambiente. A cobra cipó é predadora, de hábitos arborícolas. Ótima caçadora prefere apanhar lagartos, pássaros e pererecas. É ativa de dia e movimenta-se muito rapidamente. As cobras-cipós são agressivas, a ponto de, quando assustadas, atacarem mesmo animais maiores, para depois tentarem fugir. Elas vivem em regiões das matas, nas zonas tropical. 

Guruça 

Caminhando pelas praias de Manguinhos, você poderá facilmente se deparar com essas figurinhas que ficam cruzando o tempo todo a praia, são os Guruças, pequenos caranguejos amarelos que fazem buracos em toda praia. 

Sarué 

Saruê ou gambá-de-orelha-preta, é um marsupial. Podendo atingir 60 a 90cm e pesar até 1,6 kg, alimenta-se praticamente de tudo o que encontra: insetos, larvas, frutas, pequenos roedores, ovos, cobras e etc. Habitam florestas, Mata Atlântica e Restingas 

Caxinguelê 

O caxinguelê é um roedor muito ágil. Mede cerca de 30 cm com a cauda. Alimenta-se de frutos e sementes duras, pois necessitam gastar os dentes que estão sempre crescendo. Podem viver sozinhos ou em pares. É muito fácil achar um desses passeando pelas ruas de Manguinhos. 

Guanhamum 

Na parte seca do mangue, vive o guanhamum, que não demora, segundo os pesquisadores, a entrar na lista de extinção. São facilmente achados nos mangues de Manguinhos, perto dos 2 riozinhos que cercam o balneário, que é o rio de Manguinhos na praia da chaleira, e o rio de bicanga divide os bairros. 

  • Aves
Conheça abaixo alguns pássaros que são facilmente achados em Manguinhos, dentre vários que não descreveremos aqui. 

Beija-Flôr 

Os beija-flores são aves de pequeno porte, que medem em média 6 a 12 cm de comprimento e pesam 2 a 6 gramas. O bico é normalmente longo, mas o formato preciso varia bastante com a espécie e está adaptado ao formato da flor que constitui a base da alimentação de cada tipo de beija-flor. 

Bem-te-vi 

É conhecido em todo Brasil por seu famoso canto, ‘‘bem-te-vi”. Tem 25 cm, de coloração parda no dorso e amarelada no ventre, com sobrancelha branca muito visível na grande cabeça; uma listra no alto da coroa varia de amarelo claro a laranja vivo.

Anú preto 

Mede 36 cm. Corpo franzino, preto uniforme, de bico surpreendentemente alto, forte e curto. Cauda comprida e graduada. São aves extremamente sociáveis. Tem grande habilidade em pular e correr pela ramagem. Vive nas paisagens abertas com moitas e capões entre pastos e jardins. 

Coruja 

Coruja buraqueira tem hábitos diurnos. Alimenta-se  de  sernambis  e  maria-farinha encontradas na parte alta da praia e  pequenos répteis dentre a vegetação rasteira de  restinga. Constrói seu ninho sob a areia, através de um túnel com mais de um metro de profundidade 

Jacú 

Medem cerca de 74 cm, consideradas grandes para uma ave. Habilmente saltam de ramo em ramo, causando admiração pela rapidez com que se esgueiram através das folhas, sem que a cauda longa lhes estorve os movimentos. 

Rolinha 

A rolinha mede 20 cm e é bastante conhecida por seu canto inconfundível: fogo - apagou e pelo barulho que faz com as asas quando levanta vôo. Facilmente vista em Manguinhos. 

Pica-pau 

Cavam com o bico, um buraco para construção do ninho em troncos de árvores ou cupinzeiros. A fêmea põe 4 a 5 ovos que são chocados pelo casal. Ás vezes, um filhote da ninhada anterior ajuda os pais na construção do ninho, medem cerca de 30 cm.


ar2
Webmail Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Resultados no Bing Resultados no Google RSS Feeds
              Portal Oficial do Balneário de Manguinhos ©